Cristina Rabel- Guarapuava-PR

Há quase 1 ano, no dia 26 de outubro eu estive aqui na igreja e o padre Célio me deu uma benção, pois eu tinha perdido o movimento das pernas. Tenho uma doença rara, que não tem cura, chamada síndrome de Ehlers-Danlos; não tem o colágeno. Meu colágeno é mal processado. No dia 30 de agosto, perdi o movimento das pernas sem motivo nenhum. Simplesmente não tinha mais equilíbrio e não conseguia andar direito. Fiquei internada 5 dias na UTI, em Curitiba, mais 2 dias, na enfermaria, e nenhum médico soube dizer o que era. Fiz todos os exames possíveis e nenhum médico descobriu. No dia 26 de outubro, estava bem, e meu esposo me convidou para virmos aqui, no Santuário Santa Rita. Vamos rezar, disse ele. Chegando aqui, estava tendo uma reunião da renovação carismática católica e esperei terminar e fui falar com o padre Célio e pedir uma bênção. Ele me abençoou, e disse que eu voltaria a andar em nome de Jesus e Santa Rita, e, quando você perceber já estará andando. Quando isso acontecer, você voltará para dar seu testemunho. E hoje eu estou aqui para dar esse testemunho, pois eu consegui voltar a andar. Até hoje nenhum médico descobriu o que aconteceu. Eu digo que foi pela intercessão de Santa Rita que o Senhor me curou. Meu filho, de 8 meses, tinha um refluxo muito forte, nada parava no seu estômago. Ficava internado de mês em mês. Um certo dia, voltei aqui e o padre jogou água benta na camiseta dele e eu comecei a chorar muito pois senti que meu filho estava curado. Fomos para Curitiba, fizemos a endoscopia nele junto com a biópsia no intestino. Retornamos à médica para ver o resultado dos exames e ela disse que meu filho estava perfeito. Exclamei: Glória a Deus. É Santa Rita que intercedeu novamente por mim.

________________________________________________________________________

Zélia Silva de Pádua – Grandes Rios – PR

No ano de 2017, estive aqui no Santuário para dar o testemunho de uma graça que eu tinha recebido aqui, durante o passeio do Santíssimo. E uma amiga minha também. Tratava-se de uma menina de 19 anos que, segundo o médico que a consultou tinha câncer. Rezei muito por ela e pedi, nesse dia, trouxe-a aqui para agradecer a graça pois ela tinha sido curada. Meu filho, que em 2004 fez uma cirurgia a qual não foi bem sucedida. Durante esse tempo, ele entrou em uma depressão profunda, e fez mais duas cirurgias. Ele não conseguia trabalhar por causa da depressão, não saía do quarto e ficava o dia todo, na cama. Eu vim aqui em Lunardelli e pedi para Santa Rita e prometi que, no dia em que eu voltar aqui, vou testemunhar a graça que meu filho está curado e liberto da depressão. E graças a Deus, hoje ele está liberto, trabalhando e muito feliz. Ele até comentou cedo, em casa, que a vida é boa de viver, que muitas vezes ele tentou tirar a própria vida, mas que hoje ele vê a vida diferente, que estava feliz e a vida é muito boa. Eu, agradeço a Santa Rita. E a outra graça é que, em Maio, eu estava com uma dor muito forte na coluna, que ia até o cóccix. Eu não estava nem conseguindo sentar. Fui à médica e ela pediu para fazer uma colonoscopia pois ela estava suspeitando de coisa grave. Eu fiz a colonoscopia e tirou 3 nódulos. Pediu-me para fazer uma biópsia. Entreguei nas mãos de Santa Rita para que intercedesse até o dia que saísse o resultado dos exames. E u rezava todos os dias para Santa Rita intercedesse a Jesus pelas suas Santas Chagas que no meu exame não desse nada grave. E graças a Deus recebi a notícia que não era nada grave, os nódulos, e a dor que estava sentindo era problema na coluna. Agradeço a Santa Rita de Cássia e a Jesus das Santas Chagas, pelas graças recebidas.

________________________________________________________________________

Benedita-Londrina-PR

Sou coordenadora de Romaria, e hoje eu vim aqui dar meu testemunho e agradecer uma graça muito grande. A minha filha está sentada no último banco, lá atrás, com meu netinho de 4 anos. Quando ele nasceu, nós não tínhamos esperança dessa criança sobreviver. Ele nasceu com o rosto e a cabeça muito deformados. A cirurgia para reconstrução seria muito difícil pois teria que quebrar todos os ossos da cabeça e refazer novamente. No domingo, eu trouxe uma romaria aqui, em Santa Rita. Quando o padre Célio passou com o Santíssimo no meio de nós, ele foi até o rumo da porta e voltou onde eu estava. Ele falou para mim, mãe e avó, a sua fé a curou e curou seu neto. Meu neto fez a cirurgia. Porém, antes de começar o procedimento, o médico disse-me que ia realizar a cirurgia, porém, se ele ia sair vivo, só Deus sabia. Naquele momento pedi para Santa Rita libertar meu neto e tirar dele essa enfermidade que eu iria agradecer. E hoje eu estou aqui. Obrigada, Jesus, obrigada, Santa Rita.

________________________________________________________________________

MANUEL DE CAMPOS – SOROCABA SP

Mais uma vez alcancei uma graça pela intercessão de Santa Rita. Sou muito devoto a ela, pois tem me dado muita força e alegria na minha vida desde que conheci o Santuário, aí em Lunardelli. Tinha uma dívida com um agiota e foi aumentando muito e estava prejudicando minha vida. Tinha que deixar de fazer as coisas para minha família para pagar uma dívida que não tinha fim. Ajoelhei no chão do meu quarto e clamei a Santa Rita, pedindo-lhe ajuda. Ela é a Santa das Causas Impossíveis. E sem até mesmo perceber, recebi um valor que não esperava e consegui quitar minha dívida que estava me atormentando muito. Estou livre agora, graças a intercessão de Santa Rita que vou agradecer até os últimos dias da minha vida. Sou muito grato a ela e a Jesus.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorSanta Inês
Próximo artigoTestemunhos Fevereiro 2021