Papa à peregrinação de Nossa Senhora de Luján: “Maria nos abraça”

0
227

“Neste momento difícil da pandemia, precisamos que a Mãe nos abrace”, são palavras do Papa Francisco por ocasião da 40ª Peregrinação de Nossa Senhora de Luján, a padroeira da Argentina

Vatican News

“Maria nos abraça” com esta oração, expressa em uma mensagem em vídeo, o Papa Francisco uniu-se espiritualmente à 40ª Peregrinação de Nossa Senhora de Luján, a padroeira da Argentina, em Centenário na província de Neuquén. O evento, que ocorreu em modo virtual devido à pandemia, foi realizado de 23 a 26 de setembro. “Às vezes, e não apenas às vezes – disse o Pontífice – o caminho se torna difícil. E neste momento de pandemia e numerosas ameaças à saúde, de tanto medo, de tantas necessidades, é ainda mais difícil”. Por isso, acrescentou, “precisamos que a Mãe nos abrace”. Palavras que também ressoam no lema da peregrinação, ou seja: “Mãe, abraça-nos, queremos continuar caminhando”.

Para a Mãe, somos todos diferentes, mas todos iguais

O Papa Francisco então lembrou alguns testemunhos: “Uma mulher me disse que uma das tarefas de uma mãe é reunir seus filhos. E outra, a quem perguntei qual de seus filhos era seu favorito, me respondeu: “Tenho cinco dedos na mão. Se eu machuco um deles, dói da mesma forma que o outro. São todos diferentes, mas são todos iguais”. Isto é o que Nossa Senhora faz conosco”, continuou o Pontífice, “somos todos diferentes, mas Ela é Mãe e nos abraça a todos”. “Acompanha todos daqui”, concluiu o Papa, antes de dar sua bênção, “uno-me à peregrinação, rezo por vocês e peço-lhes que não se esqueçam de rezar por mim”.

A peregrinação terminou no domingo, 27 de setembro, com uma missa solene presidida por Dom Fernando Croxatto, bispo de Neuquén, transmitida ao vivo no Facebook na página diocesana.