Durante a Missa matutina de hoje celebrada na Casa Santa Marta, o Papa Francisco mencionou a passagem bíblica do Bom Pastor e recordou que o caminho verdadeiro para a salvação é Jesus, portanto, exortou os fiéis a não cair na tentação de seguir vidente e cartomantes, porque isto somente os levará por um caminho equivocado.

“Quem segue Jesus não erra!”, expressou o Papa. Entretanto, assinalou que há pessoas que dizem: “Mas, Padre, as coisas são difíceis. Muitas vezes eu não vejo claro o que fazer. Disseram-me que lá havia uma vidente e eu fui lá. Fui à cartomante que me mostrou as cartas”.

“Se você faz isso, você não segue Jesus!”, assegurou Francisco. “Segue outro que lhe mostra outra estrada, diferente”. O Pontífice reiterou que só Cristo pode indicar o verdadeiro caminho e por isso advertiu seus discípulos: “Virão outros que dirão: o caminho do Messias é este. Não os escutem! Eu sou o caminho!”. “Jesus é a porta e também a estrada. Se seguirmos Jesus não erraremos”, expressou o Pontífice.

Citando a passagem bíblica do Bom Pastor, Francisco recordou que Jesus adverte que “quem não entra no redil das ovelhas pela porta é um ladrão e assaltante”, porque Cristo é a porta e “não existe outra”.

“Jesus – explicou – sempre falava para as pessoas com imagens simples: toda aquela gente conhecia como era a vida de um pastor”. E aprenderam que “só se entra pela porta do recinto das ovelhas”. Os que querem entrar por outra parte, pela janela ou por outra parte, ao contrário, são delinquentes.

“O Senhor fala tão claro. Não se pode entrar na vida eterna por outra porta que não seja a porta, isto é, Jesus. É a porta da nossa vida e não somente da vida eterna, mas também da nossa vida cotidiana”.

Nesse sentido, convidou os fiéis a perguntar-se: “Esta decisão, por exemplo, eu a tomo em nome de Jesus ou a tomo – digamos numa linguagem simples – de contrabando? No redil se entra somente pela porta, que é Jesus!”.

Portanto Jesus, prosseguiu o Pontífice, fala do caminho. O pastor conhece suas ovelhas e as conduz: “Caminha diante delas e as ovelhas o seguem”. O caminho é precisamente “seguir Jesus” no “caminho da vida cotidiana”. O Santo Padre acrescentou que não é possível que errem o caminho, quando Jesus está à frente indicando por onde devem seguir.

Além disso, recordou que as ovelhas seguem o Bom Pastor “porque conhecem a sua voz”. “Como podemos conhecer a voz de Jesus, e inclusive nos defendermos ‘da voz daqueles que não são Jesus, que entram pela janela, que são bandidos, que destroem, que enganam?’”.

“Eu lhe direi a receita, simples – indicou o Papa –. Você encontrará a voz de Jesus nas Bem-aventuranças. Alguém que lhe ensine um caminho contrário às Bem-aventuranças é uma pessoa que entrou pela janela: não é Jesus! Segundo ponto: Você conhece a voz de Jesus? Você pode conhecê-la quando nos fala das obras de misericórdia. Por exemplo, no capítulo 25 de São Mateus: ‘Se uma pessoa lhe diz aquilo que Jesus diz ali é a voz de Jesus’. E terceiro: ‘Você pode conhecer a voz de Jesus quando ele lhe ensina a dizer Pai, ou seja, quando lhe ensina a rezar o Pai Nosso”.

“É tão fácil a vida cristã”, comentou o Papa. “Jesus é a porta. Ele nos guia no caminho e nós conhecemos a sua voz nas Bem-aventuranças, nas obras de misericórdia e quando nos ensina a dizer Pai. Lembrem-se! Ele é a porta, o caminho e a voz. Que o Senhor nos ajude a entender esta imagem de Jesus, este ícone: o Pastor, que é a porta, indica o caminho e nos ensina a ouvir a sua voz”, concluiu o Papa.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA